18 fevereiro 2017

Instruções gratuitas do meu modelo "Meias rendadas em tricot"


Eis o meu primeiro modelo publicado no Ravelry! É o Par #2 de Fevereiro, as Meias rendadas em tricot!

Na verdade fiz alguns tutoriais de outros trabalhos, que publiquei aqui no blogue mas nada de tão faltou-me a palavra bonito quanto este projecto, que surgiu por acaso sem planear nada! 

O gosto por tricotar meias surgiu no ano passado, este ano quando vi o desafio da Tânia neves, "Meias ao Mês", não hesitei em juntar-me ao grupo!!! Consiste em tricotarmos um par ou mais de meias por mês, durante o ano de 2017, partilharmos experiências, técnicas, dicas, modelos, enfim tudo o que se possa imaginar acerca de meias em tricot. Um dos desafios colocados foi: Criarmos os nossos próprios modelos de meias. Fiquei a pensar no assunto 😊.

As meias rendadas em tricot surgiram por acaso, depois de imaginar umas meias semelhantes a umas que usei em criança, com um design semelhante a este.

Levei alguns dias a testar o fio que iria usar nas meias, testei com o fio "Lãs com Tons", não desgostei mas não tinha no meu stash, uma meada de 100gr que gostasse para tricotar. Lembrei-me de experimentar com um algodão mercerizado da Limol, não gostei nada do resultado e desisti.



Um dia comprei o fio "Balade" da Cheval Blank, fiz o esquema no papel milimétrico com o motivo, adaptando o  padrão às 64 malhas e as meias começaram a ganhar forma!


A vontade de escrever as instruções surgiu quando vi esta fotografia (a que escolhi para a capa), achei que daria uma capa gira numas instruções para estas meias 😁😁!!! 

Com o apoio de duas amigas levei a aventura até ao fim, agradeço às amigas, Agostinha e à Tânia Neves que colaboraram na revisão do texto e na revisão das instruções, muito obrigada a ambas! 

Estou tão feliz com esta experiência!!! Vou ficar mais feliz ainda, quando saírem das vossas agulhas vários pares de meias rendadas em tricot!

"Meias rendadas em tricot" faça o download gratuito aqui:   

15 fevereiro 2017

Meias rendadas em tricot

"Meias ao Mês" - Par #2 de Fevereiro

Terminei o segundo par de Fevereiro de "Meias ao Mês", desta vez tricotei um modelo rendado.  

Com um padrão muito simples de lace que encontrei algures na net 😉, adaptei ao modelo liso que costumo fazer, tricotei a perna da meia rendada à frente até à biqueira e atrás até ao calcanhar, a biqueira com diminuições laterais e cerzida, o calcanhar reforçado e o cós 2 /2.

O fio para meias "Balade" da Cheval Blanc 75% lã, 25% poliamida, comprei numa retrosaria local, (uma sorte encontrar lã para meias por estas bandas), entre o cinza escuro e este azul, escolhi o azul. Usei agulhas de 2,25mm de duas pontas no cós e circulares no restante.

Aproveitei uma deslocação a Silves para comprar mais fio para a manta dos quadrados da avó, (o fio preto) o restante é feito com sobras de fios; para tirar uma fotos às meias e com as meias, no exterior com mais luz e mais espaço.  

Levei-as dentro dum saco... para cá trouxe-as vestidas 😁 são muiiito quentinhas e confortáveis!!! Estão perfeitas e aprovadas! 





08 fevereiro 2017

"Meias ao Mês" - Par #1 de Fevereiro


Hoje tive preguiça para tirar e editar imagens com melhor definição, afinal também temos os nossos dias! O que vale é a intenção, partilhar o que vou fazendo para alimentar o blog e para que vocês não percam pitada.

Ora cá está o 1º par de meias de Fevereiro, o modelo é o "meu" digo meu porque é o que mais gosto de fazer para este tipo de fio, é tricotado pelo direito em meia, com o cós 2/2, calcanhar reforçado, biqueira com diminuições laterais, o costume, a lã é da Buttinette um fio especial para meias, com 75% de lã, 25% de poliamida.

Usei agulhas de duas pontas de 2,25 mm no cós e agulhas circulares da mesma medida para o restante.

nota: "Meias a Meias" - Grata amiga Agostinha pela amizade, pela companhia e pelo chá que estava óptimo, quando vestir estas meias vou lembrar-me das nossas gargalhadas e do tick tick das nossas agulhas, estou em pulgas para ver o seu par terminado! 



31 janeiro 2017

A loucura das mantas

Estou quase curada da loucura / vício das mantas em crochet!!! 

Dei-me ao trabalho de as contar... de 2012 a 2015 fiz dezasseis, dezassete com a do Spyke 😃, cheguei a fazer uma manta num mês, tal era o vício! 

Brincar com as cores, conjugá-las, ver a peça crescer, descobrir novos modelos... estava a fazer uma e a pensar na próxima!!!

Sobram sempre fios, é um pretexto para fazermos mais 😉 o ano passado, no inicio do ano, separei restos de fios para fazer uma manta até ao Natal. O interesse mudou para o tricot e crochet em 2016 nada!!! Todos os dias olhava para a alcofa!!! Fiz meia dúzia de quadrados, não estava motivada para fazer crochet com o fio acrílico 😐, depois de tricotar com fibras naturais não me puxava.

O modelo mais conhecido feito com restos de fios, o mais vintage e para mim um dos mais bonitos, porque menos é mais! A manta dos quadrados da avó começou este ano a crescer no intervalo dos outros trabalhos, um terço do trabalho já está feito, são quadrados de seis voltas, 4 voltas (1 de cada cor) e 2 voltas em preto. Vai ser uma manta de sofá de tamanho generoso com 96 quadrados.

O objectivo é fazer a manta usando os fios que tenho,  comprar só o fio preto para "crochetar"  as últimas duas votas e o acabamento. 

É preciso paciência para tantas pontinhas, tantos remates 😅, já vos aconteceu olhar para trás e pensar: Não sei como tive tanta paciência para fazer este ou aquele trabalho!







29 janeiro 2017

"Meias ao Mês" - Par #2

Janeiro 
Este é o segundo par de Janeiro de "Meias ao Mês", foram feitas a pedido para um pé que calça o 41, são para um "cliente" exigente com os tons e os padrões das meias. 

Gostou deste fio da "Buttinette" que comprei online, do mesmo pack tenho mais dois novelos com o mesmo padrão, um em tons de azul e o outro rosa, para tricotar mais dois pares.

Comprei também para testar um elástico invisível para tricotar o cós das meias, usei-o neste trabalho. O primeiro cós que tricotei penso que estiquei um pouco mais o elástico do que no segundo, o resultado foi um pouco diferente, num nota-se mais o elástico do que no outro, como apertei mais a malha, em altura também tem uma ligeira diferença. No próximo par que tricotar com este elástico vou aperfeiçoar este pormenor, quanto à eficácia só depois de usadas e lavadas é que posso ter a certeza se deformam ou não, espero que resulte!

O modelo é o básico que costumo tricotar e as agulhas usei Dpns no cós e agulhas circulares de 2,25 mm no restante.

O vício das meias veio para ficar, nas agulhas tenho outro par começado; entretanto depois de um interregno no crochet de cerca de um ano, rssrsrsrsr, estou finalmente motivada para dar um avanço na manta de sofá dos quadradinhos da avó, para aproveitar os restos dos fios, dela falarei brevemente! 

Fiquem bem , bom domingo! 








18 janeiro 2017

Dois xailes, dois tons


Tingi duas meadas de fio espessura DK, com as bagas de sabugueiro que sobraram do primeiro tingimento, para testar o fio escolhi o Xaile modelo "Twist Again" by Ágnes Kutas-Keresztes, é um modelo gratuito disponível no Ravelry, é fácil e rápido de tricotar com este fio.

Desta vez arrisquei na escolha dos tons! Usei o fio tingido com as bagas de sabugueiro e fio de cor natural para tricotar o 1º xaile. 

Para tricotar o segundo xaile usei bagas de sabugueiro e chá de hibisco. 

O resultado foi este! Dois xailes... dois tons 4 tons!  Natural, rosa velho, cereja e roxo.   

obs. Usei agulhas circulares de 5 mm, no acabamento usei agulhas com 5,5 mm, fio 100% lã Escocesa DK - 2 meadas para cada peça